Condições e regulamento para alugar bicicleta

Condições e regulamento para alugar bicicleta

Artigo 1 – Objeto

O presente regulamento tem como fim definir as Condições e regulamento para alugar bicicleta. Bem como as responsabilidades cíveis dos clientes que celebram com a TURISBIKE marca de Alfanove Unipessoal lda com sede na Rua 5 de Outubro 523. Freguesia e concelho de Vila do Conde, portanto contratos temporários com prazo certo de aluguer e utilização de bicicletas.

Ao preencher os seus dados no formulário desta página com efeito de reserva e consequentemente estar disponível o equipamento, a saber pode fazer o seu uso já que ao mesmo tempo está a assumir e confirmar por isso que tomou conhecimento das condições gerais de aluguer aqui descritas.

 Artigo 2 – Disposições Gerais

As bicicletas e o equipamento a alugar aos Clientes pela TURISBIKE são propriedade exclusiva desta. Destinando-se tanto quanto a usar em passeios de lazer.

 Artigo 3 – Condições de aluguer

a) O aluguer de bicicletas funciona com o seguinte horário de segunda-feira a sábado das 9h30 às 13h00 e das 14h30 às 19h00. Só que às vezes nos dias feriados nacionais e municipais ainda que nestes dias carece de confirmação com o propósito de fazer uma reserva.;

b) No momento do aluguer é dado a saber ao Cliente deste contrato as condições gerais aqui escritas, posto que constem os dados da TURISBIKE, e os dados do Cliente, tanto quanto as características do veículo e do equipamento, bem como o estado em que se encontra, da mesma forma o período de tempo de aluguer e por certo o termo de responsabilidade que é enviado para o endereço de email indicado pelo Cliente no formulário.Esse email recebido em síntese tem uma ligação para estas condições gerais, ainda assim uma cópia do mesmo formulário é impresso para assinar pelo Cliente..

c)  O Cliente titular dos documentos apresentados em suma é a pessoa responsável por todo o equipamento incluído nesse contrato bem como das outras pessoas que o vão utilizar. Ao mesmo tempo é sempre necessário a apresentação de um documento de identificação, cartão de cidadão, bilhete de identidade ou passaporte do primeiro responsável.

d) No caso de menores de idade logo que usarem o equipamento alugado, em primeiro lugar o Cliente deste contrato, afirma desde logo a ser o responsável e/ou tutor do(s) menor(es). Em segundo lugar enquanto usa o equipamento alugado, ficando a seu cargo toda a responsabilidade do seu uso.

 Artigo 4 – Depósito de caução

a) A TURISBIKE pode solicitar um depósito de caução para o levantamento da bicicleta e/ou equipamentos e sob o mesmo ponto de vista deve deixar um documento de identificação com a fotografia. O valor do depósito de caução será devolvido na integra. Por menos que pode ser deduzido valor das despesas inerentes com avarias ou serviços não contemplados no momento de aluguer. Por isso o valor mínimo de caução são de 100 € (cem euros)

i. dessa forma a recolha do equipamento em outro lugar que não a loja onde foi levantado, a pedido do Cliente, num raio de 20 km com um custo de 10€ (dez euros)

ii. ou por outra no caso de avarias, furos ou material danificado conforme a tabela abaixo da reparação de equipamentos

Assim o Cliente autoriza a efetuar esses acertos no depósito de caução entregue, logo que seja identificado o valor de acerto. O valor da caução não cobre o valor integral das bicicletas e/ou equipamento, sendo que em caso de furto ou roubo o valor de caução será retido para abater ao valor do custo total do equipamento a ser ressarcido pelo Cliente à TURISBIKE, pelo valor de Preço de Venda ao Publico deduzido de 20%.

 Artigo 5 – Utilização da bicicleta

a) O Cliente deve sempre fazer uso prudente da bicicleta, de forma a manter a boa conservação, funcionamento e segurança da mesma. Deve também fazer os outros utilizadores que o acompanham a ter o mesmo cuidado, sendo o Cliente titular do contrato o responsável por todos os outros utilizadores e em caso de haver necessidade de alguma participação por parte da TURISBIKE por alguma anomalia é feita sempre ao Cliente titular.

b) Não pode transportar terceiros na bicicleta alugada, exceto em cadeira própria para crianças com peso até 22 Kg, não pode cedê-la ou sub-alugar ou com ela participar em qualquer tipo de provas desportivas ou situações similares, sem dar o prévio conhecimento;

c) A TURISBIKE reserva-se no direito de recusar o aluguer de bicicletas:

  • A quem não apresente documentação válida;
  • A quem se mostre visivelmente sob influência de álcool;
  • A quem não ofereça garantia de um uso prudente e cuidado da bicicleta;
  • A quem não pagar o depósito de caução pedida;
  • A quem anteriormente tenha violado as condições do aluguer.

 Artigo 6 – Tarifas de Aluguer

O preço varia entre o veículo, tempo de utilização, consultar as condições de preçário na loja ou nesta página.

Artigo 7 – Devolução do Equipamento

a) O cliente deverá proceder à entrega da bicicleta alugada e de todo o restante equipamento incluído no aluguer na morada da TURISBIKE onde foi efetuado o levantamento, assim que expire o período de aluguer, sob pena de não o fazer ter de pagar o excedente do tempo de uso;

b) Se o fizer antes da expiração do tempo do aluguer não será reembolsado de qualquer importância;

c) A não devolução da bicicleta alugada dará lugar à apresentação de queixa-crime pela prática de furto, contra o responsável cível deste contrato celebrado entre as partes. Será contabilizado como custas diárias remanescentes o valor do aluguer diário da respetiva bicicleta. Valor por dia único até à sua restituição ou conclusão do processo;

d) Caso a bicicleta seja furtada ao cliente, este deve fazer de imediato queixa-crime desse facto às autoridades policiais. Fica mesmo assim responsável pelo pagamento do valor da bicicleta. O valor fica compreendido entre 185€ e 750€ dependendo do tipo de bicicleta. No caso de haver depósito de segurança esse valor entrará para acerto;

 Artigo 8 – Responsabilidades do Cliente

a) O cliente será responsabilizado por qualquer dano causado ao material alugado, mormente em caso de acidente, devendo indemnizar a TURISBIKE na importância que se tornar necessária para a recuperação total e no que se refere ao tempo de paralisação no valor de 15€ (quinze euros) dia até que seja efetuado o pagamento total do custo da reparação, conforme o custo de material abaixo descrito acrescido do custo de mão-de-obra de oficina. É também responsável pela indemnização dos danos causados a terceiros.

b) O aluguer da bicicleta ao Cliente não implica qualquer seguro de responsabilidade civil ou de acidentes pessoais por parte da TURISBIKE cabendo essa responsabilidade sempre ao cliente.

Artigo 9 – Reservas e Politica de Cancelamentos

a) A reserva antecipada garante a disponibilidade do equipamento para o período escolhido. Não podendo a TURISBIKE alugar a outros, ficando por isso o equipamento disponível para o Cliente. Se o equipamento não for levantado no dia e hora de inicio da reserva o equipamento mantém-se disponível até ao fim do contrato de aluguer. Desse modo e pela indisponibilidade do equipamento para outros, não pode ser devolvido o valor da reserva. Mas aceitamos que seja alterado o titular.

b) Se a reserva for cancelada 24 horas antes do dia e hora de levantamento. O valor a restituir será de 50% do valor total da reserva.

Artigo 10 – Avarias

a) Em caso de qualquer tipo de avaria no equipamento alugado, o Cliente deve de imediato contactar a TURISBIKE e entregar a bicicleta na loja onde foi efetuado o levantamento. Será efetuada a troca por outra bicicleta ou devolvida a importância do período de aluguer em falta. No caso do valor mínimo de metade do dia (4 horas) não há direito a restituição se tiver passado mais de 3 horas de uso.

b) No caso da avaria ter sido originada pelo mau uso do Cliente e se não estiver próximo da loja, tem de pagar a deslocação da recolha do equipamento no local o valor de 20,00 € (vinte euros) num raio de 20 km, acima desta distância será cobrado o valor de 0.50€ (cinquenta cêntimos) por cada quilometro extra.

Artigo 11 – Acidentes

A TURISBIKE não é responsável por todo e qualquer acidente que ocorra durante o aluguer. Por isso fica advertindo para que sejam cumpridas todas as regras do código da estrada do país e durante a utilização do equipamento;

Artigo 12 – Tabela de cauções

No caso de danos parciais no equipamento, o cliente fica sujeito ao pagamento à TURISBIKE as seguintes importâncias (IVA incluído):

  • Câmara de ar €5,00 (furo)
  • Pneu €12,00
  • Roda traseira €50,00
  • Pedais €7,00
  • Cabo mudanças €5,00
  • Punhos €10,00
  • Roda dianteira €40,00
  • Espigão do selim €10,00
  • Cabo de travão €5,00
  • Selim €25,00
  • Aperto do selim €5,00
  • Forqueta €20,00
  • Quadro €80,00
  • Manete do travão €5,00
  • Guiador €30,00
  • Corrente €10,00
  • Travão V-brake €10,00
  • Travão Disco €50,00
  • Cadeado €6,00
  • Pedaleira €25,00

 Artigo 13 – Casos omissos

Para os casos omissos neste regulamento, as partes vão reger pela lei em vigor.

Traduções

Esta página bem como todo o seu conteúdo e as condições gerais de contrato aqui escritas estão traduzidas de forma automática. Dessa maneira com o Tradutor da Google, pelo que todo o cliente independentemente do país e idioma tem conhecimento das regras. Por conseguinte no caso de duvidas devem sempre questionar via email e a resposta será enviada pela mesma via.